Resolução criativa de problemas

Da Wikipédia, a enciclopédia livre
Ir para a navegação Saltar para pesquisar

A resolução criativa de problemas ( CPS ) [1] é o processo mental de busca de uma solução original e previamente desconhecida para um problema. Para se qualificar, a solução deve ser nova e alcançada de forma independente. [2] O processo criativo de resolução de problemas foi originalmente desenvolvido por Alex Osborn e Sid Parnes . [1]

Tipos de soluções criativas [ editar ]

O processo de resolução criativa de problemas geralmente começa com a definição do problema. Isso pode levar a encontrar uma solução simples não criativa, uma solução de livro didático ou descobrir soluções anteriores desenvolvidas por outros indivíduos. Se a solução descoberta for suficiente, o processo pode ser abandonado. [1] [3]

Uma solução criativa geralmente terá características distintas que incluem o uso apenas de componentes existentes, ou o fator problemático, como base para a solução. No entanto, uma mudança de perspectiva pode, em muitos casos, ser útil. [4] Uma solução também pode ser considerada criativa se componentes prontamente disponíveis puderem ser usados ​​para resolver o problema dentro de um curto prazo [5] (fatores típicos das soluções empregadas pelo personagem-título da série de televisão MacGyver ).

Se uma solução criativa tem ampla aplicação – ou seja, usos que vão além da intenção original –, pode ser chamada de solução inovadora, ou inovação (algumas inovações também podem ser consideradas invenção ).

"Todas as inovações [começam] como soluções criativas, mas nem todas as soluções criativas se tornam inovações." [6]

—  Richard Fobes

Técnicas e ferramentas [ editar ]

Muitas técnicas e ferramentas empregadas para criar soluções eficazes para um problema são descritas em técnicas de criatividade e artigos de resolução de problemas .

Categorias de técnicas criativas de resolução de problemas [ editar ]

  • Mudança de estado mental e reenquadramento cognitivo : Mudando o foco da resolução ativa de problemas para um conjunto de soluções criativas.
  • Facilitação de múltiplas ideias : Aumentar a quantidade de ideias novas com base na crença de que um número maior de ideias aumentará as chances de que uma delas seja valiosa. Isso pode incluir selecionar aleatoriamente uma ideia (como escolher uma palavra de uma lista) e pensar em suas semelhanças com a situação. Por sua vez, esse ato aleatório pode inspirar uma ideia relacionada que levaria a uma solução.
  • Induzindo uma mudança de perspectiva : Entrar com eficiência em uma nova perspectiva pode resultar em uma solução que se torna óbvia. Isso é especialmente útil para resolver problemas particularmente desafiadores. [6] Muitas técnicas para este fim envolvem a identificação de dimensões independentes que diferenciam conceitos intimamente associados. [6] Diferenciar conceitos ajuda a superar a tendência de usar o pensamento associativo simplificado, no qual dois conceitos relacionados estão tão intimamente associados que suas diferenças são negligenciadas. [6]

Veja também [ editar ]

Artigos relacionados [ editar ]

Listas relacionadas [ editar ]

Referências [ editar ]

  1. ^ a b c Definição de resolução criativa de problemas no site da Creative Education Foundation de Alex Osborn (inventor do termo e processo de brainstorming ).
  2. ^ Universidade Estadual de Michigan. "Resolução criativa de problemas para professores" .[ link morto ]
  3. ^ Definição do problema [ link morto permanente ] na apresentação sobre resolução criativa de problemas, nosite da Universidade do Arizona
  4. ^ Mike Vence sobre os 9 pontos como uma promoção corporativa do pensamento criativo na Walt Disney Company (site da Associação de Pensamento Criativo)
  5. ^ Sobre resolução criativa de problemas em um convite para uma conferência da University of South Alabama
  6. ^ a b c d Fobes, Richard (1993). A caixa de ferramentas do solucionador de problemas criativo: um curso completo na arte de criar soluções para problemas de qualquer tipo . ISBN 0-9632221-0-4.

Leitura adicional [ editar ]

  • Alex Osborn , Applied Imagination: Principles and Procedures of Creative Problem Solving , Creative Education Foundation Press, 1953/2001, ISBN 0-930222-73-3 
  • Edward de Bono , Lateral Thinking: Creativity Step by Step , Harper & Row, 1973, brochura comercial, 300 páginas, ISBN 0-06-090325-2 
  • Altshüller, Henry. 1994. A arte de inventar (e de repente o inventor apareceu) . Traduzido por Lev Shulyak. Worcester, Massachusetts: Centro de Inovação Técnica. ISBN 0-9640740-1-X 

Links externos [ editar ]