1450

Da Wikipédia, a enciclopédia livre
Ir para a navegação Saltar para pesquisar
Milênio : 2º milênio
Séculos :
Décadas :
Anos :
Categorias:

A década de 1450 foi de 1º de janeiro de 1450 a 31 de dezembro de 1459.

Eventos

1450

Janeiro a dezembro

Data desconhecida

1451

Janeiro a dezembro

Data desconhecida

1452

Janeiro a dezembro

Data desconhecida

1453

Janeiro a dezembro

1454

Janeiro a dezembro

Data desconhecida

1455

Janeiro a dezembro

1456

Janeiro a dezembro

Data desconhecida

1457

Janeiro a dezembro

Data desconhecida

1458

Janeiro a dezembro

Data desconhecida

1459

Janeiro a dezembro

Data desconhecida

Religião

Pessoas importantes

Nascimentos

1450

1451

1452

1453

1454

1455

1456

1457

1458

1459

Mortes

1450

1451

Sultão Murad II

1452

1453

1454

1455

1456

1457

1458

1459

Referências

  1. ^ A Miscelânea de Camden . Sociedade Camden. 1972. pág. 209.
  2. ^ "Santuário Histórico de Machu Picchu - Centro do Patrimônio Mundial da UNESCO" . UNESCO . 2006 . Recuperado em 9 de dezembro de 2006 .
  3. ^ Fleur, Nicholas St (2019-03-06). "Massacre de crianças no Peru pode ter sido um sacrifício para impedir o mau tempo" . O New York Times . ISSN 0362-4331 . Recuperado 2019-12-31 . 
  4. ^ "O que fez esta sociedade antiga sacrificar seus próprios filhos?" . Revista . 15-01-2019 . Recuperado 2019-12-31 .
  5. ^ Klooster, John W. (2009). Ícones da invenção: os criadores do mundo moderno de Gutenberg a Gates . Santa Bárbara, CA: ABC-CLIO. pág. 8. ISBN 978-0-313-34745-0.
  6. ^ "Universidade de Glasgow :: História :: A Bula Papal" .
  7. Thomas Devaney (3 de abril de 2015). Inimigos na Praça: Espetáculo Urbano e o Fim da Cultura de Fronteira Espanhola, 1460-1492 . Imprensa da Universidade da Pensilvânia. pág. 158. ISBN 978-0-8122-9134-6.
  8. ^ "Eventos históricos em 1452" . OnThisDay . com . Recuperado 2017-08-08 .
  9. ^ Setton, Kenneth M. (1978). O Papado e o Levante (1204-1571), volume II : O século XV . Editora DIANE. pág. 146. ISBN 0-87169-127-2.
  10. ^ "Por que Edimburgo é a capital da Escócia?" . Turista de Edimburgo . Recuperado 2021-07-25 .
  11. ^ "O que aconteceu em 1453" . Suas datas . Recuperado 2017-08-08 .
  12. ^ Crowley, Roger (2006). Constantinopla: O Último Grande Cerco, 1453 . Faber. ISBN 0-571-22185-8.(revisado por Foster, Charles (22 de setembro de 2006). "A conquista de Constantinopla e o fim do império" . Contemporary Review . Arquivado do original em 27 de março de 2007. É o fim da Idade Média) (Link arquivado)
  13. ^ a b Sir Richard Lodge (1910). O Fim da Idade Média, 1272-1494 . Rivingtons. pág. 358.
  14. ^ Christina J. Moose (2005). Grandes Eventos da História: O Renascimento e o início da era moderna, 1454-1600 . Imprensa Salem. pág. 15. ISBN 978-1-58765-215-8.
  15. ^ "Carta do rabino Isaac Zarfati" . Turkishjews . com . Recuperado 2016-07-09 .
  16. Esta página fac-símile da Bíblia de 42 linhas de Gutenberg (1453-1455) foi impressa na Gutenberg Press Emprestada pelo Gutenberg Museum of Mainz para "A Century of Progress International Exposition", Chicago, 1933, e exibida pela Cuneo Press, Inc. . Imprensa de Gutemberg. 1933.
  17. ^ a b c d John Sadler (14 de janeiro de 2014). A Rosa Vermelha e a Branca: As Guerras das Rosas, 1453-1487 . Routledge. pág. 16. ISBN 978-1-317-90518-9.
  18. ^ C. Nunziata; MR Costanzo (2020). "Cenário de Agitação do Solo no Centro Histórico de Napoli (sul da Itália) para os terremotos de 1456 e 1688" . Geofísica Pura e Aplicada . Springer Science+Business Media . 177 : 3175-3190. doi : 10.1007/s00024-020-02426-y .
  19. ^ "Construção" . Vrienden van de Grote Kerk Dordrecht . Recuperado 2020-12-03 .
  20. ^ John PC Matthews (2007). Explosão: A Revolução Húngara de 1956 . Livros de Hipócreno. pág. 74. ISBN 978-0-7818-1174-3.
  21. David Grummitt (8 de maio de 2015). Henrique VI . Routledge. pág. 190. ISBN 978-1-317-48260-4.
  22. Jan L. de Jong (5 de abril de 2013). O poder e a glorificação: pretensões papais e a arte da propaganda nos séculos XV e XVI . Imprensa do Estado da Pensilvânia. pág. 4. ISBN 0-271-06237-1.
  23. ^ Vasconcelos e Sousa, Bernardo. "História de Portugal" (em português) (4ª ed.). pág. 182.
  24. ^ "História da faculdade" . magd.ox.ac.uk . Recuperado em 22 de março de 2019 .
  25. ^ Escolha: Publicação da Association of College and Research Libraries, uma divisão da American Library Association . Associação Americana de Bibliotecas. 1964. pág. 261.
  26. Martin Luther D'Ooge (1909), The Acropolis of Athens (The acropolis of Athens ed.), New York: Macmillan, OL 7107840M , Em 1458 o governante turco ocupou o Propylaea como residência e transformou o Erechtheum em um harém , restaurando, no entanto, o Partenon aos gregos como um local de culto. 
  27. ^ Lemaître, Frédéric (19 de setembro de 2011). "Erfurt, ses juifs et l'UNESCO" . Le Monde (em francês) . Recuperado em 19 de setembro de 2011 .
  28. ^ Connor, Steve (2014-07-07). "A história das maiores explosões vulcânicas do planeta - nas profundezas do gelo da Antártida" . O Independente . Londres. Arquivado do original em 1º de maio de 2022 . Recuperado 2014-07-07 .
  29. John Sadler (14 de janeiro de 2014). A Rosa Vermelha e a Branca: As Guerras das Rosas, 1453-1487 . Taylor & Francisco. pág. 86. ISBN 978-1-317-90517-2.
  30. ^ Sonnenburg, Stephan; Baker, Laura (26 de fevereiro de 2013). Espaços de Marca: Encenações e Emaranhados de Experiência . Springer Science & Business Media. pág. 236. ISBN 978-3-658-01561-9.
  31. A História Ilustrada de Oxford da Irlanda. Foster, RF. Oxford University Press, Oxford. 1989
  32. ^ Editores de Chase; Livros Contemporâneos (Setembro de 2002). Calendário de eventos do Chase 2003 . McGraw-Hill. pág. 169. ISBN 978-0-07-139098-9.
  33. ^ Peggy K. Liss (2004). Isabel a Rainha: Vida e Tempos . Imprensa da Universidade da Pensilvânia. pág. 9. ISBN 978-0-8122-1897-8.
  34. ^ "Rei James III: Biografia sobre Undiscovered Scotland" . www.undiscoveredscotland.co.uk . Recuperado em 29 de janeiro de 2021 .
  35. ^ Licença Amy (15 de abril de 2013). Anne Neville: a trágica rainha de Ricardo III . Amberley Publishing Limited. pág. 29–. ISBN 978-1-4456-1177-8.
  36. ^ "Christopher Columbus | Biografia, Viagens e Fatos" . Enciclopédia Britânica . Recuperado em 21 de janeiro de 2021 .
  37. ^ Barsoum, Aphrem (2003). As pérolas espalhadas: A História da Literatura Siríaca e Ciências . Traduzido por Matti Moosa (2ª ed.). Górgias Imprensa. págs. 508–509 . Recuperado em 14 de julho de 2020 .
  38. ^ Ira Moskowitz (1976). Grandes Desenhos de Todos os Tempos: italiano, século XIII ao XIX . Kodansha Internacional. pág. 139. ISBN 978-0-87011-263-8.
  39. ^ "Ferdinand II | Biografia e Fatos" . Enciclopédia Britânica . Recuperado em 30 de junho de 2020 .
  40. ^ "Leonardo da Vinci | Biografia, Arte e Fatos" . Enciclopédia Britânica . Recuperado em 3 de maio de 2019 .
  41. ^ Richard J. Walsh (2005). Charles the Bold e Itália (1467-1477): Política e Pessoal . Imprensa da Universidade de Liverpool. pág. 302. ISBN 978-0-85323-838-6.
  42. ^ Grolier Incorporated (1997). Enciclopédia Acadêmica Americana . Grolier. pág. 233.
  43. ^ Sandro Botticelli; Musée national du Luxembourg (França); Palazzo Strozzi (Florença, Itália). (2003). Botticelli: De Lorenzo, o Magnífico, a Savonarola . Skira. pág. 227. ISBN 978-88-8491-565-8.
  44. ^ "Richard III | Biografia e Fatos" . Enciclopédia Britânica . Recuperado em 26 de junho de 2020 .
  45. ^ Trimble, Virgínia; Williams, Thomas R.; Bracher, Katherine; Jarrel, Richard; Marché, Jordan D.; Ragep, F. Jamil (18 de setembro de 2007). Enciclopédia Biográfica de Astrônomos . Springer Science & Business Media. pág. 339. ISBN 978-0-387-30400-7.
  46. ^ Charles Kidd; Christine Shaw (24 de junho de 2008). Debrett's Peerage & Baronetage 2008 . de Debrett. pág. 140. ISBN 978-1-870520-80-5.
  47. ^ Encyclopædia Britannica: Um novo levantamento do conhecimento universal . Encyclopædia Britannica. 1964. pág. 89.
  48. ^ Hourihane, Colum (2012). A Enciclopédia Grove de Arte Medieval e Arquitetura . OUP EUA. pág. 217. ISBN 9780195395365.
  49. ^ Benzoni, Gino (2002). "GRITI, Andréa" . Dizionario Biografico degli Italiani , Volume 59: Graziano–Grossi Gondi (em italiano). Roma: Istituto dell'Enciclopedia Italiana . ISBN 978-8-81200032-6.
  50. ^ Canhão, John; Hargreaves, Anne (2009). Os reis e rainhas da Grã-Bretanha . OUP Oxford. pág. 246. ISBN 9780191580284.
  51. ^ "Margaret of Denmark: Biography on Undiscovered Scotland" . www.undiscoveredscotland.co.uk . Recuperado em 14 de maio de 2019 .
  52. ^ Roger Lockyer; Andrew Thrush (19 de setembro de 2014). Henrique VII . Routledge. pág. 7. ISBN 978-1-317-89432-2.
  53. ^ Clayton J. Drees (2001). A Idade Medieval Tardia de Crise e Renovação, 1300-1500: Um Dicionário Biográfico . Grupo Editorial Greenwood. pág. 68. ISBN 978-0-313-30588-7.
  54. ^ Lucia Corrain (2008). A Arte do Renascimento . A Oliver Press, Inc. p. 17. ISBN 978-1-934545-04-1.
  55. ^ Santa Camila Battista da Varano (1986). As Dores Mentais de Jesus em Sua Paixão . Peregrina. pág. 3. ISBN 978-0-920669-05-1.
  56. ^ Woldemar Harleß. "ADB:Johann II. (Herzog von Kleve-Mark)" . Allgemeine Deutsche Biografia . Recuperado em 31 de março de 2021 .
  57. ^ Anne Commire; Débora Klezmer (2000). Mulheres na História Mundial: Uma Enciclopédia Biográfica . Publicações Yorkin. pág. 107. ISBN 978-0-7876-4064-4.
  58. ^ Paul Burns (15 de julho de 2007). Santo do mordomo para o dia . A&C Preto. pág. 103. ISBN 978-0-86012-434-4.
  59. ^ William John Kennedy; Gene Z. Hanrahan (1983). Jacopo Sannazaro e os Usos da Pastoral . Imprensa da Universidade da Nova Inglaterra. ISBN 978-0-87451-268-7.
  60. ^ "Adrian VI | papa" . Enciclopédia Britânica . Recuperado em 20 de março de 2021 .
  61. ^ "Maximiliano I | Sacro imperador romano" . Enciclopédia Britânica . Recuperado em 20 de março de 2021 .
  62. ^ François Guizot (1885). A História da França desde os primeiros tempos até 1848 . JB Millar & Company. pág. 299.
  63. ^ Fride, EB; Via Verde, DE; Porter, S.; Roy, I. (1996). Handbook of British Chronology (Terceira edição revisada). Cambridge: Cambridge University Press. pág. 233. ISBN 0-521-56350-X.
  64. ^ Barsoum, Efrém (2003). As pérolas espalhadas: A História da Literatura Siríaca e Ciências . Traduzido por Matti Moosa (2ª ed.). Górgias Imprensa. pág. 497.
  65. ^ Guido Di Piero, conhecido como Fra Angelico, ca. 1395-1455 . Alemanha. 1998. pág. 6. ISBN 978-3-8290-0246-2.
  66. ^ "Nicholas V | Biblioteca do Vaticano & Dum Diversas" . Enciclopédia Britânica . Recuperado em 6 de maio de 2019 .
  67. ^ Kenneth Meyer Setton (1976). O Papado e o Levante, 1204-1571 . Sociedade Filosófica Americana. pág. 183. ISBN 978-0-87169-127-9.
  68. ^ Miranda Jane Aldhouse-Verde; Ralph Alan Griffiths; Raymond Howell; Tony Hopkins (2004). A História do Condado de Gwent: A idade dos Lordes Marcher, c.1070-1536 . Imprensa da Universidade do País de Gales. pág. 265. ISBN 978-0-7083-2072-3.
  69. ^ Zsigmond M¢ricz (1 de janeiro de 1995). Seja fiel até a morte . Imprensa Universitária da Europa Central. pág. 305. ISBN 978-1-85866-060-8.
  70. ^ JO Schnaubelt; Joseph C. Schnaubelt; Frederick Van Fleteren (1999). Agostinho na Iconografia: História e Legenda . P. Lang. pág. 339. ISBN 978-0-8204-2291-6.
  71. ^ William John Wright (1988). Capitalismo, Estado e Reforma Luterana: Hesse do século XVI . Imprensa da Universidade de Ohio. pág. 46. ​​ISBN 978-0-8214-0863-6.
  72. ^ Théoharis Stavrides (2001). O Sultão de Vezirs: A Vida e os Tempos do Grande Vezir Otomano Mahmud Pasha Angelović (1453-1474) . BRILHO. pág. 94. ISBN 90-04-12106-4.
  73. ^ E. Michael Gerli (2003). Ibéria Medieval . Taylor & Francisco. pág. 57. ISBN 978-0-415-93918-8.
  74. ^ Annie E. McKillliam (1912). Uma Crônica dos Papas de São Pedro a Pio X. G. Bell e filhos, Limited. pág. 388.
  75. ^ James Gairdner (1895). As cartas de Paston, 1422-1509 DC: Uma nova ed. contendo mais de quatrocentas cartas, etc., até então inéditas . A. Condestável. pág. 444.